Crítica | Mistério no Mediterrâneo

Mistério no Mediterrâneo traz uma boa comédia e brinca com os clichês das produções e contos de Mistério.

0
Parece que a parceria do Adam Sandler com a Netflix está levantando o moral do ator com o público. Tal parceria vem trazendo filmes exclusivos para a plataforma e Sandler diversificando suas atuações e suas produções.

Mistério no Mediterrâneo é mais um filme da parceria de Sandler com Jennifer Aniston. O longa consegue divertir tanto quanto Esposa de Mentirinha. No longa Nick e Audrey são um casal que caiu na rotina do casamento. Nick é um policial fracassado que tenta se tornar detetive, mas não consegue e então mente para sua esposa ao dizer que foi promovido; enquanto Audrey é uma cabeleireira fã de livros de mistério e frustrada com a situação de seu casamento. Ao sentir-se pressionado por não terem tido a lua de mel dos sonhos de sua esposa, Nick a leva para uma viajem à Europa; prometida há 15 anos. No avião, ambos são convidados a fazerem uma viagem com uma família de milionários em um tour por Monaco. Tudo acaba dando errado e ambos se tornam suspeitos de um assassinato ocorrido no navio.

Crítica | Mistério no Mediterrâneo
Divulgação/Mistério no Mediterrâneo/Netflix
A partir daí a trama se desenrola na mentira de Nick em ser um detetive e na obsessão de Audrey por literatura de mistério. Enquanto são procurados pela polícia local, ambos tentam desvendar quem matou a vítima. As brincadeiras e piadas feitas com os clichês do gênero são bem aplicados e faz lembrar certos contos literários e até mesmo o “Detetive“, um dos jogos de tabuleiro mais famosos.

Em Mistério do Mediterrâneo fica claro que a química entre Sandler e Aniston é inegável. Essa também é umas das melhores parcerias, assim com a que o ator tem com Drew Barrymore. Nessa nova produção o ator consegue entregar uma boa atuação e boas piadas, não é atoa que o filme tornou-se um sucesso na plataforma de streaming. Aniston por outro lado também está mais que á vontade e isso é perceptível. A atriz parece se divertir demais e isso ajuda bastante. O elenco de apoio também não deixa a desejar; dando destaque a Luke Evans que atua muito bem como principal suspeito.

Crítica | Mistério no Mediterrâneo

O mais impressionante do filme é que ele consegue te fazer imaginar quem é o culpado e te fazer mudar de ideia constantemente. As viradas na trama são repletas de clichês, mas isso está longe de ser algo ruim; são os clichês que tornam tudo mais engraçado – O plot que o diga. Depois de passarmos quase uma hora e vinte culpando praticamente todo mundo, somos surpreendidos por algo que em momento algum imaginamos.

Mistério no Mediterrâneo é engraçado, repleto de clichês necessários e referência para fãs de mistério. Acerta na proposta de divertir apenas por divertir. Uma das melhores coisas são as referências a Sherlock Holmes e principalmente a escritora Agatha Christie.

Assista ao trailer:

100%
  • Crítica | Mistério no Mediterrâneo