Coringa” já faturou 234 milhões de dólares de bilheteria global no primeiro fim de semana em cartaz, se tornando a maior bilheteria de abertura de todos os tempos em um mês de Outubro. Um sucesso tão grande quase sempre resulta em uma sequência, e a grande dúvida da Warner Bros. agora é saber se é válido investir no desenvolvimento de uma continuação ou não.

O diretor Todd Phillips já havia recusado a ideia em várias entrevistas. “Não temos planos para uma sequência”, ele disse para a revista britânica Total Film, em agosto. “O filme não foi feito para ter uma sequência. Nós sempre o apresentamos como um único filme”.

Entretanto, em outras entrevistas, o diretor de “Coringa” deu a entender que uma continuação podia ser mais do interesse do ator principal do que dele ou de qualquer outra pessoa. “Eu faria qualquer coisa com Joaquin Phoenix, a qualquer dia da semana. Não há ninguém como ele. Se ele estiver disposto a fazer, se as pessoas quiserem e se a Warner Bros. vier até nós e disser ‘Sabe de uma coisa? Se vocês puderem pensar em alguma coisa…’, bem, eu tenho a impressão de que podemos pensar em algo bem legal”.

Agora, Joaquin Phoenix deu a entender que está de portas abertas para uma possível sequência. Em entrevista ao programa Popcorn, o ator disse que ele e Todd Phillips estavam dispostos a explorar as diversas possibilidades que o personagem tinha a oferecer, ao menos no primeiro filme.

“Sinceramente, eu não consigo parar de pensar sobre [o personagem]. Eu falei muito com o Todd [Phillips] sobre o que mais poderíamos fazer, no geral, apenas para trabalharmos juntos, mas também especificamente, se tem algo mais que podemos fazer com Coringa que possa ser interessante. Então, acabou se tornando um papel dos sonhos. Não é nada que eu realmente queira fazer antes de trabalhar neste filme. Eu não sei se há [mais o que fazer]. Eu e Todd [Phillips] ainda estaríamos gravando agora se pudéssemos, certo? Porque parecem sem fim as possibilidades de onde podemos ir com este personagem”.

Durante a produção de “Coringa“, Todd Phillips repetiu diversas vezes que o filme não teria conexão alguma com o Universo Estendido da DC. De acordo com o diretor, o filme não possui relação alguma com o novo Batman estrelado por Robert Pattinson, e não possui nenhuma cena pós-créditos por conta disto também. Portanto, se uma continuação vier, provavelmente não irá abordar um embate entre os dois personagens.

Assista à entrevista completa aqui (em inglês):

Coringa” foi lançado no dia 3 de outubro e está em cartaz em todo o país.