Coringa conquista US$ 1 bilhão nas bilheterias mundiais

0

O sucesso de Coringa é algo decisivo para os fãs e até mesmo para boa parte dos críticos.

Após sete semanas em cartaz, o filme está prestes a ultrapassar a marca de US$ 1 bilhão em bilheteria mundial.

Coringa estreou no dia 3 de Outubro e arrecadou no primeiro final de semana cerca de US$ 93,5 milhões, a melhor marca da Warner desde Mulher-Maravilha, que em seu lançamento conseguiu US$ 103 milhões.

É o primeiro filme classificado para maiores de 18 anos a arrecadar essa bilheteria e a ganhar campanha para o Oscar.

É esperado que a performance de Joaquin Pheonix renda uma indicação ao Oscar de Melhor Ator.

Além disso, a produção também se tornou a mais rentável adaptação de quadrinhos já feita.

De acordo com a Forbes, Coringa arrecadou US$ 316, 692 milhões na América do Norte e um total de US$ 998 milhões arrecadados pelo mundo todo.

Lembrando que o longa não teve sua estreia na China, um dos mercados mais lucrativos para o cinema no mundo.

É um impressionante retorno para o orçamento de US$ 62,5 milhões da produção.

A marca bilionária deve chegar neste final semana.

Coringa conquista US$ 1 bilhão nas bilheterias mundiais
Observatório do Cinema

Aquaman (2018), também da DC/Warner Bros, registrou US$ 1,148 bilhão nas bilheterias mundiais, mas o filme teve classificação livre e permaneceu nos cinemas por mais de dois meses.

Antes disso, o posto de adaptação de HQ mais rentável era de O Máskara, que faturou US$ 351 milhões nos cinemas, a partir de um singelo orçamento de US$ 23 milhões.

Coringa é o quarto filme da DC Comics a superar a bilheteria de US$ 1 bilhão, outros na lista são Batman: O Cavaleiro das Trevas (2008), Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge (2012), e Aquaman (2018).

A Forbes também enumerou outros longas que também tiveram uma enorme bilheteria nos cinemas, com um pequeno orçamento.

A lista traz adaptações de Venom, que conseguiu US$ 854 milhões, com orçamento de US$ 90 milhões.

Batman, que arrecadou US$ 411 milhões, com um gasto de US$ 35 milhões.

E Deadpool, que surpreendeu com US$ 783 milhões, com apenas US$ 58 milhões em despesas na produção.

Coringa conquista US$ 1 bilhão nas bilheterias mundiais
Club Conectat

Apesar de Coringa estar quebrando recordes de bilheteria, o diretor Todd Phillips contou que o desempenho financeiro da produção está longe de ser a coisa mais importante do filme.

Em uma entrevista ao LA Times, Todd explicou:

Não é a bilheteria, mas sim a recepção que está validando. É o fato de que estou recebendo e-mails de gente me falando que passou a olhar diferente para sua irmã, que tem esquizofrenia. No fim, esse filme é sobre o poder da gentileza e sobre a falta de empatia no mundo, e o público parece ter percebido isso.

É incrível que esse filme feito para inspirar o caos nas massas, como eles dizem, está inspirando um monte de pessoas a dançar em escadarias. Isso fala mais do que qualquer outra coisa.

Coringa ainda está em exibição no cinema.

Fonte: Torre de Vigilância.