Rotten Tomatoes: Entenda como funciona o site (e as polêmicas envolvidas)

0

De tempos em tempos, o Rotten Tomatoes toma para si o holofote das comunidades virtuais de cinema. Basta que um aguardado lançamento receba más avaliações no site para que fãs sintam-se ultrajados e acusem a plataforma de vender críticas ou favorecer concorrentes do lançamento em questão.

Acontece que a maioria das pessoas não tem o subsídio necessário para ler as informações disponíveis no site. Os critérios do Rotten Tomatoes não são dos mais acessíveis ao usuário comum, que dificilmente entende o porquê das baixas porcentagem atribuídas aos seus filmes e séries favoritos. E tudo bem. A simples condição do não saber não deve ser motivo de vergonha ou medo de determinado assunto. Há muita nobreza no processo de aprendizagem.

Por isso, hoje você vai aprender, de forma simples e direta, os métodos e critérios do site de cinema mais polêmico e incompreendido de todos os tempos.

Afinal, Como Funciona O Rotten Tomatoes?
  • Para evitar confusões, séries não serão mencionadas, já que recebem um tratamento idêntico ao dos filmes quando têm seus episódios avaliados;
  • O site também publica notícias, artigos, listas e outras formas de conteúdo. Como sua maior frente é a agregação de críticas, é sobre ela que falaremos.

Reunindo as críticas

Contrariando a convicção de muitos, as opiniões que vemos no site não foram escritas ali, elas foram colocadas ali. O Rotten Tomatoes funciona como um agregador de críticas que reúne, através de um critério muito específico (em resumo, no mínimo dois anos trabalhando para um veículo afiliado a sindicatos e associações cinematográficas), as reviews de críticos profissionais. Ou seja, todas as críticas listadas no site foram escritas em outros veículos de imprensa, que aparecem sob o nome dos críticos.

Resumos das críticas de “O Rei Leão”. A íntegra das análises pode ser lida através do link “Full Review…”

A bendita porcentagem

O Tomatômetro representa, usando uma porcentagem, a quantidade de críticos que aprovaram determinado filme. Por exemplo, na imagem abaixo vemos que o longa Projeto Gemini tem um grande 26% seguindo o seu título. Isso não significa que a média geral é de 26 pontos em um sistema que vai de 0 a 100, mas sim que, dos 289 críticos aprovados pelo site que assistiram ao filme, 26% (75) o aprovaram. O cálculo usado é simples; dividem-se as críticas positivas pelo número total de críticas listadas.

Curiosidade: Praticamente um terço do site (30%) pertence à Warner Bros., estúdio responsável pelos filmes do universo DC, como Batman vs Superman e Esquadrão Suicida, ambos alvos de críticas severas dispostas na própria plataforma. Se a hipótese das críticas compradas, defendida por algumas pessoas, fosse real, faria sentido que um estúdio apostasse contra os próprios filmes? E o que explicaria os incontáveis elogios dedicados às produções da Marvel, sua maior concorrente?

A verdadeira média

A existência do Tomatômetro não significa que o site deixa de medir notas propriamente ditas. Muitos profissionais que escrevem sobre cinema ilustram suas opiniões através de uma avaliação numérica. Se este for o caso dos críticos que avaliaram o filme, o site calcula uma média e a exibe logo abaixo do Tomatômetro, dentro da caixa More Info (mais informações). Críticos que não utilizarem números em suas avaliações não serão atribuídos ao cálculo da média.

Top Critics

Existe ainda uma categoria mais restrita de críticos, listados no site como Top Critics. Para integrar esta categoria são necessários ao menos 5 anos de trabalho como crítico para um veículo midiático americano, ou 3 anos escrevendo para um site com no mínimo 1,5 milhões de acessos mensais únicos. Outros aspectos são levados em consideração, como influência, reputação, alcance e qualidade da escrita. Estes aspectos são avaliados manualmente, pelos funcionários do site.

Rotten Tomatoes

Diferentes “tomates” são atribuídos aos filmes com base em seu Tomatômetro. Filmes com uma taxa de aprovação entre 0% e 59% recebem o selo “Tomate Podre”. Para aqueles que atingem mais de 60% há o “Tomate Fresco” e para filmes com 80 críticas ou mais*, cuja porcentagem de críticas positivas ultrapassa 75%, há o selo “Certificado de Tomate Fresco”. Este selo requer que o filme tenha sido analisado por pelo menos 5 Top Critics. Para mantê-lo, a taxa de aprovação deve permanecer acima dos 75%.

*O selo “Certificado de Tomate Fresco” é o único com critérios variáveis. Para recebê-lo, filmes de amplo lançamento devem passar pela análise de no mínimo 80 profissionais. Filmes de lançamento limitado (poucas salas em poucos países), 40 e séries de TV, 20.

A curiosa identidade do site, baseada em tomates, vem de um antigo clichê; seguindo uma apresentação decepcionante, o público, se sentindo desrespeitado, decide atirar tomates podres no artista que não fez jus às expectativas.

O público

O público convencional também pode avaliar um filme no Rotten Tomatoes. A taxa de aprovação (porcentagem de notas superiores a 3.5 estrelas) fica logo ao lado do Tomatômetro. É representada por um balde cheio de pipocas, para filmes de aprovação popular superior a 60%, ou por um balde verde derrubado, para filmes com 59% ou menos. O espectador também pode deixar seus comentários no site, sem qualquer compromisso ou vínculo profissional. Vale lembrar que a plataforma só contabiliza a avaliação de usuários que, comprovadamente, compraram ingressos para o filme.

Consenso

E por fim, sobre o Tomatômetro e a avaliação do público, existe o consenso da crítica. Ele é escrito por funcionários do site abordando, de forma breve, os principais pontos levantados pelas análises profissionais que o filme recebeu. É necessário um grande número de reviews para que surja um consenso, por isso alguns filmes se encontram com a caixa vazia.

“Os visuais impressionantes de “Projeto Gemini” são apoiados por algumas performances fortes, mas este suspense de ficção científica é fatalmente minado por uma história frustrantemente inferior.”

Confira também: Série da Netflix tem incrível 0% de aprovação no Rotten Tomatoes

Pronto. Agora você pode interpretar, com destreza, todas as informações exibidas no Rotten Tomatoes. Também pode compreender a rigidez dos critérios de credenciamento do site. No fim das contas, críticos são apenas pessoas comuns, vivendo de suas opiniões e credibilidade. A máfia literária que se une para denegrir este ou aquele lançamento continua sendo um delírio, defendido por uma minoria, quase sempre rancorosa.

That’s All Folks!